Ditados Populares

A

– Antes tarde
que nunca.

– A fruta
proibida é a mais apetecida

– A morte não
escolhe idades

– A pensar
morreu um burro

– A sorte de uns
é o azar de outros

– A ambição
cerra o coração

– Aqui se fazem,
aqui se pagam

– A pressa é
inimiga da perfeição

– Águas passadas
não movem moinhos

– A consciência
tranquila é o melhor remédio contra insônia

– A verdade gera
o ódio 

– Amigo não
empata amigo

– Amigos, amigos
negócios à parte

– Antes aqui que
na farmácia

– Aquilo que
sabe bem ou é pecado ou faz mal

– Animal que
urina para trás, coloca o dono para frente

– A cobra vai
fumar.

– A instrução é
a luz do espírito.

– A alegria
atrai simpatia.

– A verdade fala
pela boca dos pequenos.

– A dor ensina a
gemer.

– Água mole em
pedra dura, tanto bate até que fura

– A união faz a
força

– A ocasião faz
o ladrão

– As aparências
enganam

– A água
silenciosa é a mais perigosa

– A minha
liberdade acaba onde começa a liberdade dos outros.

– A ignorância é
a mãe de todas as doenças.

– Amigos dos
meus amigos, meus amigos são

– A cavalo dado
não se olha os dentes

– A montanha
pariu um rato

– Ainda que
sejas prudente e velho, não desprezes o conselho

– Azeite de
cima, mel do meio e vinho do fundo, não enganam o mundo

– A função faz o
órgão

– Antes só do
que mal acompanhado

– Antes que o
mal cresça, corta-lhe a cabeça

– Antes que o
mal cresça, corte o mal pela raiz

– A pobre não
prometas e a rico não devas.

– A mulher e a
sardinha, querem-se da mais pequenina

– A galinha que
canta como galo corta-lhe o gargalo

– A felicidade é
algo que se multiplica quando se divide

– A apressada
pergunta, vagarosa resposta

– A corda faz a
velha gorda e a menina formosa

– A boca do
ambicioso só se fecha com terra de sepultura

– A boda e a
batizado, não vás sem ser convidado

– A fome faz
sair o lobo do mato

– A fome é a
melhor cozinheira

– A galinha do
vizinho é sempre mais gorda do que a nossa

– A ignorância
da lei não desculpa a ninguém

– A ignorância é
o pior de todos os males

– A intenção é
que conta

– A laranja de
manhã é ouro, à tarde é prata e à noite mata

– A morte não
escolhe idades

– A
(necessidade|fome) aguça o engenho

– A noite é boa
conselheira

– A ocasião faz
o ladrão

– A ociosidade é
mãe de todos os vícios

– A palavra é de
prata e o silêncio é de ouro

– A palavras
(ocas|loucas) orelhas moucas

– A pensar
morreu um burro

– A preguiça é a
mãe de todos os vícios

– A roupa suja
lava-se em casa

– A união faz a
força

– A água
corrente não mata a gente

– A ajuda-te que
Deus te ajudará

– Amor com amor
se paga

– Antes a minha
face com fome amarela, que vermelha de vergonha

– Antes a morte
que tal sorte

– Antes cegues
que mal vejas

– Antes dentes
que parentes

– Antes que
cases vê o que fazes

– Antes quebrar
que torcer

– Antes só que
mal acompanhado

– Antes tarde do
que nunca

– Aquele que não
conhece a verdade é simplesmente um ignorante, 

mas aquele que a
conhece e diz que é mentira, este é um criminoso.

– Ao diabo e à
mulher nunca falta que fazer

– Ao rico mil
amigos se deparam, ao pobre seus irmãos o desamparam

– Ao rico não
faltes, ao pobre não prometas

– Aquilo que
sabe bem ou faz mal ou é pecado

– As aparências
iludem

– As fezes é a
mesma, as moscas é que mudaram

– As boas contas
fazem os bons amigos

– As cadelas
apressadas parem cães tortos

– As más
noticias chegam depressa

– As palavras
voam, a escrita fica

– As (palavras
ou conversa …) são como as cerejas, vêm umas atrás das outras

– As rosas caem
os espinhos ficam atrás de mim virá que de bom me fará

– Até ao lavar
dos cestos é vindima

– Azar no jogo,
sorte no amor 

– Água e vento
são meio sustento

– Água mole em
pedra dura tanto bate até que fura

– Águas passadas
não movem moinhos

– Amor com amor
se paga

B

– Boi em terra
alheia é vaca

– Boi sonso,
chifrada certa

– Boi velho
gosta de erva tenra

– Boca que
apetece, coração padece

– Boca calda é
ouro 

– Briga de
marido e mulher, ninguém mete a colher

– Baleias no
canal, terás temporal

– Barriga cheia,
companhia desfeita

– Boa fama
granjeia quem não diz mal da vida alheia

– Boa romaria
faz, quem em casa fica em paz

– Boda molhada,
boda abençoada

– Burro velho
não aprende línguas

– Burro velho
não ganha andadura

– Burro velho
não tem andadura e se tem pouco dura


C

– Cada cabeça
uma sentença

– Chuva de São
João, tira vinho e não dá pão. 

– Casa roubada,
trancas à porta

– Casarás e
amansarás

– Caiu do cavalo

– Criou a fama e
deite na cama

– Cada qual com
seu igual , cada qual no seu lugar

– Cada ovelha
com sua parelha

– Cada macaco no
seu galho

– Casa de
ferreiro, espeto de pau

– Cacarejar e
não botar ovos.

– Casamento,
apartamento

– Cutucar a onça
com a vara curta

– Cada qual é
para o que nasce

– Cão que ladra
não morde

– Cão de caça
vem de raça

– Cada um sabe
onde lhe aperta o sapato

– Com vinagre
não se apanham moscas

– Coma para
viver, não vivas para comer

– Contra fatos
não há argumentos

– Chutar
cachorro morto é fácil

– Cachorro velho
não aprende truque novo

– Cavalo dado
não se olha os dentes

– Com direito do
teu lado nunca receies dar brado

– Cada um é como
cada qual, e cada qual é como é

– Com os males
dos outros passo eu muito bem

– Cada maluco
com sua mania

– Candeia que
vai à frente alumia duas vezes

– Casa de
esquina, ou morte ou ruína

– Cada um a seu
dono

– Cada um a seu
modo

– Cada coisa no
seu lugar

– Cada panela
tem a sua tampa

– Cada um come
do que faz

– Cada um come
do que gosta

– Cada um que se
governe

– Cada um sabe
as linhas com se cose

– Cada um
(trata|sabe) de si e Deus de todos

– Casa onde
entra o sol não entra o médico

– Canja de
galinha não faz mal a ninguém 

– Cautela e
caldo de galinha nunca fez mal a ninguém

– Cesteiro que
faz um cesto faz um cento 

– Com a verdade
me enganas

– Com coisas
sérias não se brinca

– Com o fogo não
se brinca

– Com papas e
bolos se enganam os tolos

– Com tempo tudo
se cura

– Coma para
viver, não vivas para comer

– Comer e o
coçar é só começar 

– Contas são
contas

– Contra fatos
não há argumentos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s